Ela que aprecia solidão...

11/13/2014

Até hoje não entendi,
se era minha fascinação
ou a distração dos outros,
que faziam dela,
a mais linda das solitárias.

Para mim,
ela era perfeita,
linda, doce, sexy,
mas a solidão era sua rotina.

Eu não compreendia tal combinação,
mas creio que seu jeito,
fascinante no olhar,
nos lábios,
no andar,
vinham justamente de sua solidão.

Talvez por isso,
ela,
mesmo sem perceber,
tomava atitudes para manter-se só. 

Ela flertava com a solidão,
ela maquiava-se de solidão.


You Might Also Like

0 comentários