Observadora...

8/01/2016

Ela apenas mantinha sua distância
Olhava de longe tudo acontecer
Não queria estragar algo
Mas não o queria perder
Queria tê-lo pra ela
Mas não havia coragem para o chamar
O admirava e amava em segredo
Guardando tudo isso para o coração
Deixou que essa linda flor crescesse em seu peito
De forma que somente ela o regava
Mas o amava mesmo assim
Com esperança de que um dia fosse notada
Um dia a coragem resolveu aparecer
E ela o chamou
Mal sabia ela que ele também a amava em segredo
E que eram dois tolos se amando separados
Quando podiam estar se amando abraçados
a luz do luar.



You Might Also Like

0 comentários